Como bem notaram alguns leitores de “Atlante”, sou bastante influenciado pelos quadrinhos americanos das décadas
de 40 a 80. Tanto é verdade que gostaria de recomendar “Blazing Combat”, uma de minhas revistas favoritas desse período.
“Blazing Combat” foi publicada nos anos 60 pela editora Warren. Infelizmente, a revista só durou quatro números.
Mesmo contando com talentos como Wally Wood, Alex Toth, Al Williamson, Gene Colan, John Severin, Russ Heath, entre outros,
a revista foi rejeitada pelo mercado devido à percepção de ser uma publicação contrária à guerra do Vietnã. Todas as histórias
foram escritas por Archie Goodwin e, de fato, têm um caráter mais humanista e cru com relação ao cotidiano da guerra. Definitivamente,
não é uma revista de aventuras gloriosas ao gosto de patriotas guerreiros. Algumas pessoas não gostam de ser lembradas do que realmente significa viver em combate, principalmente quando não são elas, ou seus filhos, que estão no “front”.

Tenho em casa uma edição capa-dura americana que coleta os quatro números originais de “Blazing Combat”. Não me canso de reler e folhear.
A arte é maravilhosa, as capas são de Frank Frazetta! Não sei se já existe alguma edição brasileira. Em todo caso, procurando pela internet
dá pra achar a edição original em inglês.